Wicked Lovely - Melissa Marr

Posted by Kynhaa on sábado, 3 de abril de 2010. Filed under: , , , ,

Não gosto de Fadas, Elfos, Duendes e todos esses seres sobrenaturais com estranhas orelhas pontiagudas, reluzentes como o edward e no caso das fadas possuem asas. Nunca gostei da sininho do Peter Pan, nem Orlando bloom (com sua gostosura) em O senhor dos Anéis me fez gostar do Legolas (pra mim, ele tinha um caso com o Gimli) o unico Elfo que eu realmente gosto é do Dobby e agora, Keenan.


Em seus dezesseis anos, Aislinn se comporta aparentemente como qualquer garota de sua idade. Sai com suas amigas, gosta de música e tem um garoto em mira, ainda que desse último ela não esteja muito certa. No entanto, também tem algo nela que não tem nada de normal: assim como sua avó, Aislinn é capaz de distinguir os Élfos que vivem invisíveis entre os humanos, um dom incrível, que mais que um dom, é uma maldição, pois esses seres não gostam de serem descobertos e costumam castigar com crueldade as pessoas que detectam sua presença. Sendo assim, seguindo ao pé da letra as regras secretas que sua avó lhe ensinou - nunca atraia a atenção dos elfos, não responda aos elfos, não olhe para os elfos - Aislinn terá que se virar para passar despercebida, especialmente aos olhos de Keenan, o rei dos elfos, que se propôs a seduzi-la e convertê-la em sua rainha.



Partindo do principio de que não gosto de Elfos, não me pergunte o que me levou a ler este livro, porque nem eu sei. Apenas adorei a capa, mal li a sinopse e o peguei para ler. Quando vi que o assunto era sobre elfos, resolvi dar uma chance. O começo do livro é um tanto confuso, porém conseguiu me prender o suficiente para continuar a leitura.

A história nos apresenta Keenan, O Rei do Verão, lutando para encontrar sua Rainha, para assim obter o poder que lhe falta para lutar contra Beira, A Rainha do Inverno e sua mãe (mulher sádica e literalmente fria como o gelo). Keenan precisa encontrar o mais rapidamente sua rainha, ou então os elfos e os próprios humanos i sucumbirão diante da rainha de gelo.

Há novecentos anos Keenan procura a mortal que seria capaz de segurar o cetro que carrega o frio e ano após ano, século após século, falha miseravelmente, até que sua esperança cresce novamente ao encontrar Aislinn, uma garota diferente de tudo que estava acostumado a ter. Aislinn fugia dele, como o diabo foge da cruz, recusando todas as suas tentativas de cortejamento, mas ele não sabia o verdadeiro motivo: Ela fugia dele, por conhecer sua verdadeira forma, ash, tinha o poder da visão, via como os elfos costumava brincar com os humanos em sua forma invisível. Sua avó lhe ensinou tudo o que ela sabia sobre elfos e como não podia confiar neles e assim ela fez com Keenan, refugiando-se nos braços de Seth, (♥ não vou me aprofundar falando sobre o Seth porque ele é perfeito demais e é meu, não quero voces de olho nele) seu melhor amigo.

Apesar de ter lido um big spoiler no skoob que me deixou depressiva enquanto lia, o final ainda sim me surpreendeu. Recomendo.

O livro teve seus direitos comprados pela Universal, então brevemente estaremos teremos uma adaptação para o cinema, não sei se fico feliz ou triste sobre isso, já que as ultimas adaptações dos meus livros favoritos não são as melhores.

5 Responses to Wicked Lovely - Melissa Marr

  1. Livia

    E eh um dos possiveis livros que estarei sorteando no meu blog no proximo mes! Voce ja votou na enquete? Se nao, ta faltando voce!
    Eu adoro essa colecao, qto mais dentro da historia vc entra, mais vc quer ler! Eu estou terminando o livro 2, Ink Exchange.

  2. Dominique

    Esse livro tem tradução para o português?

    Adorei a sinopse e sua resenha.

    Ahh, tem selinho pra vc.

    Bjs!

  3. Bell

    Diferentemente de você, adoro histórias com fadas/elfos/etd!
    Então, se até você que não gosta muito gostou, imagine eu?? Choro lágrimas de sangue!!
    Quero muito, muito ler. Assim que eu puder, vou comprá-lo. O bom de livro em inglês é que é muito mais barato do que os em português :D
    Tô participando de umas promos internacionais dele, mas tenho tanta sorte que já viu, né?

  4. Kynhaa

    Domi, tem tradução na net. :S Que eu saiba nenhuma editora comprou os direitos :X

    Adooro livros em inglês por causa disso. Eu tbm não tenho sorte Bell, nunca ganhei nenhuma :(

  5. Letícia

    Comecei a ler esse livro, mas não gostei.
    Qualquer dia eu releio e quem sabe fico interessada.
    Ótimo blog. Parabéns!

Leave a Reply

Obrigada por comentar, as respostas dos comentários serão postadas aqui mesmo nessa página. Logo que possível passarei em seu blog retribuindo.